Estudo Bíblico

A vontade de Deus e a vontade do cristão

vontade de deus
Davi, agradecendo a Deus após a morte de Golias. A vontade de Deus possibilitou que Davi cumprisse sua vontade e vencesse uma luta tida por desigual

O que é vontade? O Dicionário de Significados define assim o Significado de Vontade: “Vontade significa desejo, aspiração, gosto, interesse, propósito. É o poder de representar mentalmente um ato levado por motivos ditados pela razão. É a capacidade de querer, de livremente praticar ou deixar de praticar algum ato. 

Vontade é a necessidade física ou emocional que o indivíduo sente de fazer algo”.

Imagino que todo cristão tem ocasiões em que fica angustiado para saber a vontade de Deus sobre determinada decisão que tem de tomar. O cristão que age assim, ama a Deus e tem a preocupação de servi-lo bem e quer colocar suas decisões pessoais nas mãos do Senhor.

As pessoas querem saber o moto-próprio de Deus sobre os mais variados assuntos e circunstâncias, desde a compra de um bem até a um relacionamento amoroso incluindo aí as questões relacionadas a sair ou permanecer em um emprego.

Há alguns indicadores seguros a respeito das escolhas de Deus. O apóstolo Paulo escrevendo aos Romanos registrou o que consideramos como a sendo perfeita, agradável vontade de Deus. Falando ao Filipenses, Paulo deixou dicas super importantes para nossas decisões cotidianas.

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. Fp 4. 8

Buscar ao Senhor é seguir a sua vontade

O cristão que busca ao Senhor não segue o curso do mundo. Não corre no mesmo desenfreamento de sentidos, antes ele vai sendo transformado. Sua mente vai sendo renovada e ele passa a ser capaz de discernir a aspiração do Senhor e a ela vai se ajustando. Rm 12. 2

O rei Saul viveu uma situação emblemática, enquanto ele se preocupou em buscar a Deus ele teve orientação divina, mas a partir do momento em que ele seguia no afastamento e desobediência, Deus foi-se afastando dele, até que Saul resolveu consultar os feiticeiros que ele mesmo havia expulsado.

O fim de Saul foi dramático, foi enganado por uma feiticeira e morto no campo de batalha. 1 Sm 28. 4-17. Há muitos cristãos que ainda tem o péssimo e trágico hábito de consultar horóscopo e quando vê uma cartomante na rua vai logo estendendo a mão para leitura.

Faltando Deus na vida de Saul, faltou-lhe sabedoria e discernimento. Paulo afirma que o homem natural não compreende as coisas de Deus incluindo aí sua vontade. Quanto ao espiritual, este tem discernimento de todas as coisas (1 Co 2. 14,15).

A vontade de Deus é discernida espiritualmente, à medida que nos aproximamos dEle, sua vontade vai sendo impressa em nosso coração. “Portanto, não sejam insensatos, mas procurem compreender qual é a vontade do senhor”. Ef 5. 17

Siga sempre a vontade de Deus

Nossas escolhas nunca podem estar em conflito com a opinião de Deus, mas ressaltamos que as coisas encobertas pertencem a Deus e as reveladas a nós (Dt 29.29; 1 Pe 4.2).

Há situações em que tudo é favorável, basta uma decisão, um rasgo de coragem e determinação. Já em outras situações temos de avaliar as circunstâncias e conseqüências de nossas escolhas. Na dúvida, consulte ao Senhor, siga o exemplo de Davi.

“Ensina-me a fazer a tua vontade, pois tu és o meu Deus; que o teu bondoso Espírito me conduza por terreno plano”. Salmos 143. 10

Temas Relacionado:

Finalizando, concluímos com os ensinamentos de Paulo, que Deus vê o que está dentro dos corações, sabendo também o pensamento do Espírito, este intercede pelo cristão conforme a vontade de Deus.

Por esta razão que o apóstolo declarou que o que fala língua estranha edifica-se a si mesmo (1 Co 14. 4; Rm 8. 26,27), pois enquanto fala, o Espírito está intercedendo por ele.

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

parábolas
10 Dicas para entender as parábolas de Jesus

Fechar