Você está em HomeOlhar bíblicoCenas bíblicas representadas por Caravaggio
Olhar bíblico

Cenas bíblicas representadas por Caravaggio


Michelangelo Merisi (ou Amerighi), conhecido como Caravaggio

Michelangelo Merisi (ou Amerighi), conhecido como Caravaggio foi um dos mais notáveis pintores italianos, o mais revolucionário artista do barroco, reconhecido pela grande expressividade de suas obras e pelo espetacular contraste entre luz e sombra. 

Exceto em suas primeiras obras, Caravaggio pintou fundamentalmente temas religiosos. No entanto, por diversas vezes as suas pinturas feriam as suscetibilidades dos seus clientes.

Nos seus quadros, em vez de adotar nas suas pinturas belas figuras etéreas, delicadas, para representar acontecimentos e personagens da Bíblia, preferia escolher por entre o povo, modelos humanos tais como prostitutas, crianças de ruas e mendigos, que posavam como personagens para as suas obras.

Tudo isso chocou os seus contemporâneos, pela rudez das suas pinturas. Dos efeitos que Caravaggio dava aos quadros, originou-se o tenebrismo, em que os tons terrosos contrastam com os fortes pontos de luz.

Cenas bíblicas representadas por Caravaggio

A negação de São Pedro

caravaggio

A negação de São Pedro (la negazione di pietro) é uma pintura terminada por volta de 1610 pelo mestre Italiano Caravaggio. Ela representa Pedro negando jesus depois que jesus foi preso.

Abraão e o sacrifício de seu filho Isaque

caravaggio
Abraão e o sacrifício de Isaque

O Sacrifício de Isaque é o título de duas pinturas de c. 1598 – 1603 que descreve o sacrifício de Isaque. As pinturas podem ter sido pintadas pelo mestre italiano Caravaggio (1571-1610), mas também há fortes evidências de que elas podem ter sido o trabalho de Bartolomeo Cavarozzi.

O beijo de traição de Judas

caravaggio
O beijo de Judas

A pintura de Caravaggio ” The Taking of Christ”foi encomendado pelo marquês romano Ciriaco Mattei em 1602. A pintura é um barroco italiano e uma das melhores obras de Caravaggio. Há tantos detalhes surpreendentes que ocorrem nesta pintura.

A cena familiar é de uma das paixões de Cristo, onde Judas trai Jesus com um beijo e enche toda a pintura mostrando que é isso que o artista deseja que este seja o nosso foco.

O Chamado de São Mateus

caravaggio
O chamado de Mateus

O Chamado de São Mateus foi executado para a parede esquerda da capela Contarelli na igreja francesa de San Luigi dei Francesi em Roma. O cardeal Matteo Contarelli salvou há anos para pagar a decoração de sua capela com cenas da vida de São Mateus, seu homônimo.

A flagelação de Cristo

flagelação
A flagelação de Cristo

A Flagelação de Cristo, também conhecida por Cristo na Coluna, é uma pintura a óleo sobre tela do mestre italiano do período barroco Michelangelo Merisi da Caravaggio que está atualmente no Museu de Belas Artes de Ruão.

Esta é uma das duas versões do episódio bíblico da Flagelação de Jesus que Caravaggio pintou no final de 1606 e início de 1607, logo após a sua chegada a Nápoles, estando a outra versão da Flagelação de Cristo no Museu de Capodimonte, em Nápoles.

A decapitação de João Batista

caravaggio
A decapitação de João Batista

A Decapitação de João Batista ou Decapitação de São João Batista é uma pintura a óleo do pintor italiano Caravaggio, realizada em 1608. A pintura, criada quando Caravaggio estava sob a proteção dos Cavaleiros de Malta, é considerada a obra-prima do pintor e “uma das obras mais importantes da pintura ocidental”.

Davi vence o gigante Golias

caravaggio
Davi vence o gigante Golais

Davi vitorioso com a Cabeça de Golias é considerada uma das obras mais notáveis de Caravaggio. O uso dramático da luz e da sombra na pintura impressiona. Caravaggio usa uma técnica conhecida como Claro-escuro, na qual a luz brilhante cria um forte contraste com a sombra escura, causando um efeito teatral na cena.

As irmãs Maria e Marta

As irmãs Maria e Marta
As irmãs Maria e Marta

Óleo sobre tela, c. 1598 Detroit Institute of Art, Detroit, Michigan, Estados Unidos. A pintura mostra as irmãs bíblicas Marta e Maria. -Marta está no ato de converter a Maria a sua vida de prazer para a vida de virtude em Cristo.

Marta, com o rosto sombreado, inclina-se para a frente, discutindo apaixonadamente com Maria, que gira uma flor de laranjeira entre os dedos enquanto segura um espelho, simbolizando a vaidade que está prestes a desistir. O poder da imagem está no rosto de Maria, apanhado no momento em que a conversão começa.

Ló e o incesto com as filhas

Ló e o incesto com as filhas
Ló e o incesto com as filhas

Ló e suas filhas deixando Sodoma (1615-16) por Guido Reni, óleo sobre tela, © National Gallery, Londres.

Temas Relacionado:

Leia mais:
Governo de Jerusalém faz contratações

Fechar