Reflexoes Cristas

Significado de terra santa (A experiência de Moisés)

Deus fala com Moisés da sarça ardente

Deus não pode usar um homem se não levá-lo para terra santa. Um Deus santo necessita de um homem em terra santa. Terra santa não é um lugar físico, mas um lugar espiritual. Quando Deus mandou Moisés retirar as sandálias por estar em terra santa, não se referia a um terreno, mas estava falando de um estado espiritual.

Quando Deus chamou Moisés e lhe ordenou tirar as sandálias dos pés, o lugar era santo. Que lugar? A condição espiritual a qual chegou.

Moisés havia chegado a um estado em seu crescimento em que Deus podia chegar a ele. Ele estava agora na posição de ouvinte e receptor, pronto para escutar. Moisés estava maduro e pronto para ser tratado por um Deus santo.

Mas entenda que Moisés era uma peça da engrenagem. Não era só Moisés que estava pisando agora em solo santo. Também todo o Israel que havia agora chegado ao fim de toda esperança.

Deus deixou todo um povo em escravidão para dar tempo de tratar e amadurecer um homem, que voltaria para libertar esse mesmo povo.

Deus estava levantando um líder adequado à situação. Deus estava preparando Moisés e a sua geração para a libertação. Por meio de um amoroso julgamento, o Senhor estava direcionando Israel de volta a terra santa, a solo santo – de volta à fome por Deus.

O significado da remoção das sandálias

Moisés fora criado como príncipe do Egito, com regalias, poder, roupas caras, empregados, mas Deus o tratou até que toda a sua força humana, todas as suas doutrinas, todos os seus pensamentos, tudo o que possuía, fosse levado a essa situação.

A única coisa que lhe restava da antiga vida estava nos seus pés e até isso fora requerido a ser tirado.

As sandálias significam o ultimo resquício da velha vida. Agora, sem as sandálias, sem as doutrinas, sem o antigo poder, sem as antigas roupas e empregados, sem as jóias, os soldados, sem nada do que fora outrora, Moisés pisava em terra santa.

A experiência de Israel

Israel fora chamado para ser uma nação santa, exclusiva de Deus e ao entrar no Egito, o fez com pompa, com respeito, com posses e Deus teve que tratar tudo isso, para gerar fome de Deus nesse povo e para isso Deus tirou tudo o que Israel prezava como bom.

Deus tirou a pompa de uma nação chamada a ser santa e povo exclusivo. Deus tirou as roupas, a comida, a beleza das jóias, o dinheiro, o poder, o nome.

Israel agora, na época de Moisés era uma figura pálida de uma nação. Israel era o povo santo, feito escravo de gente pior do que eles. Suas moças andavam feias. Seus príncipes trabalhavam como empregados. Sua comida era desprezível. Tudo isso era o tratamento de Deus.

A impressão que temos é que Deus esqueceu-se totalmente de seu povo, mas isso não é verdade alguma. Deus preparava na moinha o seu povo para entrar em solo santo, na sua presença. Deus agora se mostraria ao seu povo, quando esse tivesse fome de Deus.

Deus disse para Moisés em Êxodo 3: Moisés, eu tenho visto atentamente a aflição do meu povo, eu tenho ouvido o seu clamor, eu conheci as suas dores.

Portanto eu desci para livrá-los e para sair daquela terra e levá-los a uma terra larga e boa, a uma terra que mana leite e mel. E agora eis que o clamor (a oração forte, aos gritos) é vindo a mim.

Deus ouve as nossas orações. As nossas orações sobem como cheiro suave as narinas de Deus. Se as nossas orações estiverem cheirando bem, Deus as aceita, se não Deus não as aceita. (Apocalipse 8.4). Acompanhe a seguir 3 significados de Terra Santa.

1- É o lugar onde a lepra oculta é exposta

Deus falou para Moisés colocar a sua mão no peito e quando ele a retirou dali ela estava leprosa. (Êxodo 4.6) A terra santa é o lugar onde Deus mostra a pobreza do homem, o seu mau, o seu pecado. Tudo o de ruim que Moisés tinha fora exposto até chegar naquele momento.

Deus tratara ponto a ponto a vida de Moisés, até que ele pudesse reconhecer onde morava o seu pecado e qual era ele. Agora, pisando em solo santo, Moisés estava finalmente pronto a ser curado do seu pecado.

2- A terra santa é um lugar onde não existe reputação

O príncipe Moisés fora diminuído por Deus até o ponto zero. O príncipe agora virou um simples cuidador de ovelhas. Toda a sua grandeza, seu conhecimento, sua pessoa, seu nome, chegou no ponto zero. Quanto tempo Deus esperou naquele arbusto para se mostrar a Moisés?

Jesus passou também chegou pelo ponto zero: “Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo.” Filipenses 2:7.
Algumas vezes sentimos que estamos sendo tratados com uma vara de ferro.

Chegamos a imaginar que o nosso inimigo mais complicado é o próprio Deus. Entretanto Deus queria levantar a Moisés como um líder inigualável.

O tratamento diferenciado a Moisés

O tratamento de Moisés teria que ser diferenciado, mais duro, mais difícil. Até chegarmos ao ponto de Deus se mostrar em sua inteireza a nós, vamos sofrer muito, até sermos esvaziados do nosso eu.

Nosso nome será reputado como nada. Nossa pessoa será reputada como desprezível. Os verdadeiros chamados são os que mais despidos dos seus bens, nome, posição, recursos, dinheiro e tudo o mais de bom que você possa imaginar.

Moisés chegou na sarça ardente, no local onde teria que tirar as sandálias, pois a terra era santa, despido de tudo.

Quando Moisés acreditou que não tinha mais forças, não tinha mais nome, não tinha mais posses, não tinha mais certeza das doutrinas que pregava, quando ele chegava até a duvidar que Deus existisse, é quando Deus se apresenta. Ai o fogo arde e a glória volta.

Muitos cristãos verdadeiros não entendem como é possível que tudo o que tinha, os seus bens, o seu nome, a sua fama, fora destruída, derrubada, caída, pouco a pouco, sem dó, dia a dia. Muitas vezes acreditamos que o Diabo tem culpa nisso, não tem, ele só faz o que Deus permite.

3- A terra santa é a liberdade do materialismo

Chegou a hora Moisés. Agora que todo o seu materialismo, que o cegava foi embora, ele está pronto para pastorear não um rebanho de cabras e ovelhas, mas de gente. Agora é a hora de ser levantado e ir, libertar o povo de Deus.

Temas Relacionado:

Vai no meu nome e diga que o “Eu sou”, que te mandou. Chegou a hora de se levantar, livre da lepra, livre da sandália, livre do nome. Agora sim Moisés, Eu vou te fazer um nome. Amém.

P. S. Essa mensagem foi escrita descalço e com lágrimas nos olhos. Que Deus abençoe a todos os chamados, que estão debaixo do seu tratamento.

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Leia mais:
oração vitoriosa
O segredo da oração vitoriosa

Fechar